“De tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos dos maus, o homem chega a rir-se da honra, desanimar-se de justiça e ter vergonha de ser honesto.”

Rui Barbosa

domingo, 4 de março de 2012

Nico Fidenco - Legata a un granello di sabbia

Se aprende a amar não quando se encontra a pessoa perfeita, e sim quando se aprende a crer na perfeição de uma pessoa imperfeita.

Ediel Júnior

 
 
Legata a Un Granello Di Sabbia

Mi vuoi lasciare e tu vuoi fuggire
Ma sola al buio tu poi mi chiamerai

Ti voglio cullare, cullare posandoti
Sull´onda del mare, del mare
Legandoti a un granello di sabbia
Così tu, nella nebbia piú fuggir non potrai
E accanto a me tu resterai
Ahi, ahi, ahi, ahi

Ti voglio tenere, tenere
Legata come un raggio di sole, di sole
Così col suo calore, la nebbia svanirà
Ed il tuo cuore riscaldarsi potrà
E mai piú freddo sentirà

Ma tu, tu fuggirai e nella notte ti perderai
E sola, sola, sola nel buio, mi chiamerai

Ti voglio cullare, cullare
Posandoti sull´onda del mare, del mare
Legandoti a un granello di sabbia
Così tu, nella nebbia piú fuggir non potrai
E accanto a me tu resterai

Ti voglio tenere, tenere
Legata come un raggio di sole, di sole
Così col suo calore, la nebbia svanirà
Ed il tuo cuore riscaldarsi potrà
E mai piú freddo sentirà

Ma tu, tu fuggirai e nella notte ti perderai
E sola, sola, sola nel buio, mi chiamerai

Ti voglio cullare, cullare
Posandoti sull´onda del mare, del mare
Legandoti a un granello di sabbia
Così tu, nella nebbia piú fuggir non potrai
E accanto a me tu resterai
Ahi, ahi, ahi, ahi
_________________________

Tradução

Amarrado a um grão de areia

Me queres deixar, e tu queres fugir
mas sozinha no escuro depois tu me chamarás.

Te quero afagar, afagar,
pousando-te sobre uma onda do mar, do mar,
amarrando-te a um grãozinho de areia
assim não poderás se perder na neblina
e ao meu lado permanecerás,
ai ai ai ai

Te quero ter, ter,
amarrada com um raio de sol, de sol,
assim com seu calor a neblina esvairá
e o teu coração vai esquentar
e nunca mais frio sentirás.

Mas tu, tu fugirás
e na noite te perderás
e sozinha, sozinha
sozinha no escuro
me chamarás.

Te quero afagar, afagar,
pousando-te sobre uma onda do mar, do mar,
amarrando-te a um grãozinho de areia
assim não poderás se perder na neblina
e ao meu lado permanecerás.

Te quero ter, ter,
unida com um raio de sol, de sol,
assim com seu calor a neblina esvairá
e o teu coração vai esquentar
e nunca mais frio sentirás.

Mas tu, tu fugirás
e na noite te perderás
e sozinha, sozinha
sozinha no escuro
me chamarás.

Te quero afagar, afagar,
pousando-te sobre uma onda do mar, do mar,
amarrandote-te a um grãozinho de areia
assim não poderás se perder na neblina
e ao meu lado permanecerás,
ai ai ai ai,
ai ai ai ai ai.

Fotos Google:




Troca de Links - Ocioso

Postagens Populares Mãe Terra

Distante dos olhos, tão perto de mim...