“De tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos dos maus, o homem chega a rir-se da honra, desanimar-se de justiça e ter vergonha de ser honesto.”

Rui Barbosa

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

O cãozinho e o burro, mais dois casos de cortar o coração

Até que tenhamos coragem de reconhecer crueldade pelo que ela é, seja a vítima um animal humano ou não humano, não podemos esperar que as coisas melhorem neste mundo.

Não podemos ter paz vivendo entre homens cujos corações se deleitam em matar criaturas vivas.

Para cada ato que glorifica o prazer de matar, estamos atrasando o progresso da humanidade.

Rachel Carson



Mais dois casos que entristecem qualquer um, no primeiro um filhote de cão queimado vivo e abandonado no meio do mato, imagina a dor desse animalzinho.

Além de abandonar o cara ainda põe fogo, o que fazer com uma criatura dessas?

No segundo caso além de ser um animal indefeso é o instrumento de trabalho deles, um motivo a mais para que cuidassem dele ainda com mais carinho, quem é o burro nessa história, o homem ou o animal?

Pergunta difícil de responder né.

Mais um caso real de bandidos cruéis que cometem atrocidades sem o mínimo de consciência, de mocinhos que infelizmente nem sempre aparecem na cena do crime na hora certa e não podem evitar a morte de um animal inocente, e de vítimas, que de novo, são os animais que não podem se defender.

Ainda bem que ainda existem boas pessoas, que cuidam, dão amor e carinho, que tentam resgatar a dignidade desses bichos, amenizar um pouco a dor que sentem, para eles tiramos o chapéu.

Quanto à justiça, à lei, o que impera mesmo no Brasil é a impunidade que encoraja esses canalhas a continuarem praticando esses atos e outros ainda piores.

Fernando Rocha

Fotos Google:








Troca de Links - Ocioso

Postagens Populares Mãe Terra

Distante dos olhos, tão perto de mim...