___________

Deu..., esse é o nosso país, esse é o nosso povo, nada vai mudar, não nessa geração!

"A ditadura perfeita terá as aparências da democracia, uma prisão sem muros na qual os prisioneiros não sonharão com a fuga.

Um sistema de escravatura onde, graças ao consumo e ao divertimento, os escravos terão amor à sua escravidão."

Aldous Huxley (1894-1963)
_____________


Pra ficar pra sempre; três vídeos que tocam até os corações mais duros, fica aí a mensagem:

Nunca deveríamos ser julgados pela aparência.

Good Times:Suzan Boile - Os Miseráveis


Jonathan and Charlotte - The Prayer


John Lenon da Silva, Brasileiro - A morte do Cisne

Distante dos olhos, tão perto de mim...

Distante dos olhos, tão perto de mim...

Essa dor...

Dor que dói no meu peito, desse amor imperfeito que aqui já desapareceu, dor da lembrança perdida, memória querida que você finge que esqueceu!

Dor da história mais bonita, dessa alegria irrestrita que aparece assim, que vem tão de repente, dor forte e insistente, dor que não sai de mim!

Dor de quem tem saudade, dor que dói de verdade, daquilo que você vivia, tão comum que ignora que já passou a hora, você foi feliz e não sabia!

Dor da história vivida, emoção não sentida, coisas que você não conhece, essa dor tão presente, que dói e não se sente, dor que ninguém esquece.
"Juntos pra sempre meus irmãos, sinto que poderia ter feito muito mais e isso é que dói no peito, um dia ainda nos encontramos na eternidade."

domingo, 11 de dezembro de 2011

Floresta Amazônica, o pulmão do mundo parando de respirar!

Cuide bem da natureza

Hoje acordei cedo, contemplei mais uma vez a natureza.
A chuva fina chegava de mansinho.
O encanto e aroma matinal traziam um ar de reflexão.
Enquanto isso, o meio ambiente pedia socorro.
Era o homem construindo e destruindo a sua casa.

Poluição, fome e desperdício deixam o mundo frágil e degradado.
Dias mais quentes aquecem o “planeta água”.
Tenha um instante com a paz e a harmonia.
Reflita e preserve para uma consciência coletiva.
Ainda há tempo, cuide bem da natureza.

Gleidson Melo



O assunto do momento, pelo menos para quem se preocupa com a preservação da Floresta Amazônica, é o alagamento de uma grande parte da região para a construção de usinas hidrelétricas.

Esses biólogos tentam mostrar a diversidade de vida nessa mata, a importância desses seres totalmente indefesos perante o que o homem pode fazer com o seu habitat natural.

Não dá para acreditar, quanto tempo a natureza leva para construir uma fonte de vida dessa grandeza e em tão pouco tempo depois de uma decisão errada tudo pode ser inundado em questão de minutos.

Na floresta, é possível encontrar espécies raras, como o cachorro do mato de orelhas curtas, a cobra-cipó, o jabuti e o sagui.

Vale a pena uma reflexão séria sobre esse assunto, mas não adianta deixar isso nas mãos dos políticos, pois sabemos muito bem o que irá acontecer, temos que nos mobilizar e fazer alguma coisa para evitar mais esse crime, essa tragédia contra a natureza.

Fernando Rocha

Fotos Google:




















Um comentário:

Finha disse...

A Floresta Amazônica não é pulmão nenhum. Uma vegetação em seu estado de clímax absorve tanto CO2 quanto libera, tornando-se um sistema sustentável e não relacionado com a quantidade total de CO2 disponível na atmosfera. Se ela for desmatada, queimada ou qualquer outra coisa o CO2 presente nos compostos orgânicos vai retornar para seu local original, a atmosfera. Não estou entrando no mérito da agressão ao habitat dos animais, observem.